22:20hs
Sexta Feira, 20 de Setembro de 2019
Aiuruoca - Notícias
13/09/2012 16h13

Aiuruoca Aiuruoca um Paraíso Ecoturístico no coração do Sul de Minas

Aiuruoca um Paraíso Ecoturístico no coração do Sul de Minas

Cachoeira do Canyon Mocó

Cachoeira dos Garcias

Pico do Papagaio


Aiuruoca é um dos destinos do turismo no Sul de Minas em qualquer data do ano. A cidade é perfeita para quem gosta de trilhas, belas paisagens, tranquilidade, banhos de cachoeira e esportes radicais. Aiuruoca é tupi guarani. Significa a casa do papagaio. A cidade fica no sul de Minas Gerais, na Serra da Mantiqueira. Pela rodovia Presidente Dutra são 258 quilômetros para quem sai do Rio de Janeiro e 343km de São Paulo. De Belo Horizonte, a viagem é pelas cidades históricas.

Terra desbravada em 1692, pelo padre João de Faria Fialho, capelão dos bandeirantes. Porém, sua fundação oficial ocorreu em 1706 por João de Siqueira Afonso, taubateano, descobridor das minas de Aiuruoca e fundador do Arraial do mesmo nome, atraindo exploradores portugueses e paulistas.

A pequena localidade elevou-se à paróquia em 1717, tendo como seu primeiro vigário o padre Manuel Rebelo, até 1725. Suas extensões territoriais eram enormes. Posteriormente, houve uma divisão que criou várias outras paróquias e capelas.

Por alvará régio, de 16 de fevereiro de 1724, foi criado o Distrito Judiciário de Aiuruoca, subordinado à Comarca do Rio das Mortes.

Em 1764, Aiuruoca é visitada pelo governador Luiz Diogo e Cláudio Manuel da Costa, inconfidente mineiro, então secretário do governo, na tentativa de conter os contrabandistas e os desvios do fisco real.

A vila de Aiuruoca passou à categoria de cidade, com seu território desmembrado de Baependi, em 14 de agosto de 1834. Quando o ouro se esgotou os moradores se dedicaram à criação de gado leiteiro e à agricultura.

Aiuruoca tem como pano de fundo a Serra do Papagaio (hoje protegida por leis estaduais e federais). Está localizada dentro dos limites da APA da Mantiqueira, Reserva da Biodiversidade da Unesco e Parque Estadual da Serra do Papagaio. É um município privilegiado pela beleza natural que envolve inúmeras cachoeiras, picos, bosques, matas além da beleza cênica.

São vários os picos com altitudes que variam de 1.300 a 2.357 metros e que proporcionam aos amantes dos esportes radicais (rapel, canyoning, escalada, tirolesa, off-road, mountain bike, mini-rafting, rafting, bóia cross) uma aventura nas maravilhas naturais. A trilha é uma das mais belas atrações. O caminho pela mata fechada proporciona surpresas incríveis e ainda, o frescor de um banho nas águas cristalinas que descem das corredeiras.

Aiuruoca possui mais de 85 corredeiras sendo que, cerca de 40 são visitadas constantemente e impressionam por sua beleza.


Vista parcial da Serra do Papagaio

Antiga estação ferroviária de Aiuruoca

Pedra do Gorila, um dos pontos turísticos que compõem a serra do Pico do Papagaio

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG