14:56hs
Quinta Feira, 22 de Agosto de 2019
Bom Jardim de Minas - Turismo
01/01/2010 00h00

Turismo em Bom Jardim de Minas

por Felipe Faria Teixeira*

 

Localizado no alto das montanhas da Serra da Mantiqueira, a 1.186 metros de altitude o município de Bom Jardim de Minas está inserido no Circuito Turístico Serras de Ibitipoca. Possui uma localização geográfica muito privilegiada, às margens da BR 267 com a MG 457 e a MG 494, facilitando o acesso para várias regiões e outros estados. Com o clima tropical mesotérmico brando úmido o município tem a fama de ser o mais frio da região.

Atualmente com 7.000 habitantes aproximadamente a cidade vem se desenvolvendo através das atividades ferroviárias, monocultura de eucaliptos e recentemente o turismo, que vem se desenvolvendo através de seu grande potencial, com seu imenso acervo cultural e natural com muitas variedades de cachoeiras, grutas, rios e montanhas, e diversas modalidades de esportes de aventuras, dando uma identidade para a cidade.

O município também vem se destacando nos eventos realizados, sendo grande sucesso de público a cada ano como: Reveillon, Carnaval, Semana Santa, Exposição Agropecuária e Cavalgada do Trabalhador em maio, Festas religiosas tradicionais em agosto e em julho, no distrito de Taboão, Encontro de Bandas e Aniversário da cidade em Dezembro, além de diversos eventos de aventura nas localidades do município.

A região onde atualmente se localiza Bom Jardim de Minas era habitada pelos índios Puris. Em 1770, houve o início da ocupação da região por colonizadores, entre os quais o português Manoel Arriaga de Oliveira e sua família. Após se estabelecerem na região, fundaram a Colônia de Campo Vermelho, próximo à atual sede municipal. Esta foi atacada por uma tribo de indígenas que habitava a região, tendo durante o ataque sido massacrado um de seus filhos. Manoel Arriaga, entristecido com o fato, afastou-se da Colônia e fixou residência às margens do Córrego Milho Branco, onde organizou uma fazenda, atualmente a cidade.

Anos mais tarde, o Senhor Manoel Arriaga recebia em sua fazenda a visita do Capitão Antônio Correia de Lacerda, que vinha acompanhado de sua esposa e filhos. Simpatizaram-se com o local e associaram-se a Manoel para a ampliação da fazenda, iniciando o cultivo da terra em grande escala. À pedido do Capitão Lacerda, foi erigida no núcleo do povoado, ainda em formação, a primitiva Capela do Bom Jardim, hoje a Antiga Matriz Senhor Bom Jesus do Matozinhos. Alguns anos depois, a partir da união das famílias Arriaga e Lacerda, a fazenda recebia a denominação de "Fazenda do Bom Jardim". A origem do nome foi devido a um bem cuidado jardim, que havia nas proximidades da sede da fazenda.

A partir da Fazenda do Bom Jardim, surgiu o Arraial do Senhor Bom Jesus do Bom Jardim, e em 1856 elevado a distrito, pertencendo ao município de Andrelândia. E, finalmente, em 17 de Dezembro de 1938, o distrito se eleva a município.

 

Pontos Turísticos 

Cristo Redentor - No alto do morro do Caxambu á1.370 metrosde altitude de frente para a cidade está o monumento Cristo Redentor, de braços abertos abençoando a cidade e dando boas vindas aos visitantes. Construído em 1988, o monumento Cristo é tombado pelo Patrimônio Histórico Municipal. Com uma visão de 360 graus do mirante do Cristo avista várias cidades e montanhas da região um belo local para contemplação da natureza. Para os mais aventureiros, nas matas que descem da montanha possui diversas cachoeiras escondidas nas florestas com águas límpidas e cristalinas.

Passeio Histórico, Religioso e Cultural - No alto da colina com uma vista privilegiada da cidade se encontra a Antiga Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus do Matozinhos construída em 1790 tombada pelo patrimônio histórico municipal, com seu vasto acervo de Imagem Sacras, próximo a Antiga Matriz temos a Gruta de pedra com a imagem de Nossa Senhora Aparecida.

Na parte central da cidade temos a Capelinha de Nossa Senhora Aparecida em seu estilo neo-clássico e a Matriz do Bom Jesus de Matozinhos, onde se encontra a Imagem do Senhor Bom Jesus de Matozinhos, veneradaem Bom Jardimde Minas desde 1781.  Seguindo o trajeto, indo em direção ao centro histórico da cidade com  seus belíssimos casarões que vão do século XVIII até o inicio do século XX, além de conhecermos o Recanto do Saber e da Experiência Dr. Celso Nardy Chaves, que foi a sede da antiga Fazenda do Bom Jardim de propriedade do fundador da cidade Coronel Antonio Correa de Lacerda. E é no centro da cidade que encontraremos o Acervo Cultural Antoninho Guido de Paula, além de diversos imóveis tombados, praças, comércios de produtos típicos como artesanatos, queijos e doces.

Taboão - Escondida no vale do Rio do Peixe o belo e charmoso distrito de Taboão possuí diversos atrativos naturais e culturais. Casarões coloniais e sua linda igreja Matriz cercados de montanhas compõe a vila. Cercado de cachoeiras no entorno da vila, foi recém criado no distrito uma Unidade de Conservação com três Cachoeiras (Crianças, Presépio e Remanso), gruta, matas e belas formações rochosas, o Parque Municipal de Taboão vem se estruturando para receber melhor os turistas que visita a localidade. Além da Serra da Bandeira o ponto mais alto do município com1.733 metrosde altitude com uma visão espetacular.

Pacau - A cerca de 12 Kms da sede do município, a localidade do Pacau é local mais frio do município com suas matas de floresta ombrófila mixta, o frio tenso que ocorre na região é propícia para criação de Trutas como ocorre nos Trutários da localidade. No Pacau encontra-se também a Serra da Mira com 1.630 mts de altitude lugar perfeito para saltos de paraglider, alem da Gruta da Mira terminando no paredão da serra com uma vista privilegiada. É no Pacau que se desenvolveu os mitos folclóricos da casa mal assombrada e a luz da Serra, já havendo publicação em revistas de ufologia sobre o fenômeno. Além da Cachoeira do Pacau com90 metrosde queda descendo ao lado do maior túnel ferroviário da América Latina, o “Tunelão”, com extensão de8.645 metros, além disso pela Serra do Pacau é que se passava o Caminho do Comércio, importante trecho que ligava as duas vias da Estrada Real.

Toca do Bichinho/Capoeira Grande - Este roteiro se estende no antigo ramal ferroviário Bom Jardim - Lima Duarte ás margens do Rio Grande, com uma estrada bem pavimentada este é o roteiro mais visitado do município, seus atrativos começa a partir de 3 Kms do centro da cidade. Passa pelos bucólicos vilarejos de Dois Córregos, Capoeira Grande e Souza do Rio Grande. Atrativos: Ponte de Ferro, Cachoeira da Fumaça, Paredão do Rio Grande, Cachoeira das Mandiocas, Toca do Bichinho, Buraco do Inferno (local para Rapel), Cachoeira dos Dois Córregos, Cachoeira das Palmeiras, Serra da Capoeira Grande e Cachoeira do Souza e opção de passeio de Bote no Rio Grande no Souza.

Paraíso Perdido/Pitangueiras - Belíssima caminhada nas serras de Bom Jardim de Minas, este é um roteiro de maior duração, pois reúne vários tipos de atrativos: grutas, cachoeiras, mirantes e formações rochosas surpreendentes. A vegetação é densa e diversificada e nele é possível tomar refrescantes banhos de cachoeira e fazer uma bela caminhada nas montanhas da Serra do Governo com mirantes com visão para várias serras da região. 

Atrativos: Poço do Coração, Cercas de pedras, Cachoeiras do Paraíso Perdido, Serra do Governo, Gruta do Chapadão, Cachoeira do Geraisinho e Cachoeira das Pitangueiras.

Morangal - Um vilarejo as margens da Ferrovia Centro Atlântica próximo do Ribeirão do Morangal, com suas matas ciliares intocadas, dando um charme no vale que desce para o Rio Grande com muitas araucárias e florestas preservadas. Belas cachoeiras, trilhas ecológicas se encontra em Morangal, além da vida simples e cotidiana de seu povo hospitaleiro.

Atrativos: Cachoeira das Bromélias, Cachoeira do Castilho, Cachoeira do Morangal, Trilhas Ecológicas, Vale do Ribeirão do Morangal e Vila de Morangal.

 

 

 

*Felipe Faria Teixeira

Turismólogo da Prefeitura de Bom Jardim de Minas

 

 

 

atualizado em Março/2015

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG