04:51hs
Segunda Feira, 15 de Agosto de 2022
Cruzília - Notícias
28/02/2021 20h20

Festival Minas Folk traz lives com o melhor da música mineira

Artistas regionais irão se apresentar em shows online nos dias 13 e 14 de março, com transmissão via plataforma digital

Se tem uma coisa que a gente aprendeu durante essa pandemia foi curtir um bom som por meio de lives (ao vivo). Quem conseguiu passar 2020 sem assistir pelo menos um show pela internet? Este ano também promete grandes apresentações, a começar pelo Festival Minas Folk, que será realizado nos dias 13 e 14 de março, com início às 16 horas, completando seis horas de lives com importantes nomes do cenário musical de Minas Gerais. A 1ª edição do Minas Folk será transmitida para todo o mundo via plataforma digital aberta.
Idealizado pelo compositor, cantor e violeiro Anderson Martins, o Festival foi selecionado no Edital Mostras e Festivais Artísticos para ser realizado com recursos da Lei Aldir Blanc, apoio do Ministério do Turismo e do Governo do Estado de Minas Gerais.  Minas Folk conta com a participação de músicos residentes em Minas Gerais com shows e bate papos culturais mediados por Anderson Martins. “Queremos desenhar um panorama sobre a atual situação musical autoral no Estado e apresentar o que os artistas mineiros vem produzindo”, revela.  

Entre as atrações confirmadas estão Edu Santa Fé, de Delfim Moreira e que, em 2019, participou do The Voice e as duplas David e Gilmar, idealizadores do Festival da Canção de Andradas e João Carlos e Carlos Leite, de Poços de Caldas. Os músicos Luiz Salgado, de Araguari (Triângulo Mineiro), Claudio Couto, de Andradas, Ge Alvarenga com a participação de Renan Ribeiro, ambos de Cruzília também estão na programação que vai durar dois dias e promete grandes encontros e, claro muita música boa.
Para quem não conhece, a música folk é formada por gêneros tradicionais, como jazz, rock, blues e moda de viola que, combinados a arranjos autorais dão asas a uma ressignificação musical. “Trata-se de um estilo bastante contemporâneo, mas que foge do arranjo pop. Por isso, normalmente ela é executada de forma acústica, mas nada impede de ter instrumentos plugados, se esse for o desejo do artista” conta o produtor executivo do Minas Folk, Mariano Líder da produtora Cordas da Vida. “Como tem essa roupagem mais elaborada, esse estilo agrada tanto o grande público quanto os estudantes de música acadêmica formal”, completa.

Sobre o Anderson Martins
Com mais de 10 anos de carreira, Anderson Martins é o idealizador do Festival Minas Folk. O artista, que recebeu o título de Artista Vanguarda em Andradas, sua cidade natal, lançou “Estradas Invisíveis” em setembro de 2019, que configura seu terceiro disco e Canções de Quarentena, em dezembro de 2020. Acumulando diversos prêmios em festivais de música popular brasileira (MPB) pelo país, Anderson Martins realiza um trabalho sério de resgate da música brasileira, celebrando o homem, o amor e a natureza, inclusive incentivando novos compositores e músicos.  Ver e ouvir: https://www.youtube.com/user/Tiubruce1

Sobre os participantes:

Edu Santa Fé (Delfim Moreira)

Nascido em Goiânia, mas morando em Minas Gerais, descobriu cedo a vocação musical. Aos seis anos, ganhou um violão do pai e começou a fazer músicas. Já fez parte de uma dupla sertaneja, porém, segue em carreira solo atualmente. Gravou alguns discos e dedicou um álbum todo para a mãe, que morreu há alguns anos. Edu Santa Fé toca viola, guitarra, gaita e violão. O seu jeito tranquilo e matuto, que remete ao mais puro e simples sertanejo, conquistou o coração de milhares de brasileiros e fez com que Edu se tornasse um dos participantes mais queridos dessa quarta edição do “The Voice Brasil” em 2015.


David e Gilmar (Andradas)

A dupla David e Gilmar iniciou a carreira aos 7 e 6 anos de idade, cantando em bares na cidade mineira de Boa Esperança. Reúem importantes participações em programas como Viola, Minha Viola, da saudosa Inezita Barroso e Festa Sertaneja de Marcelo Costa. Prêmios em festivais nas cidades: Andradas, Caconde, Orlândia, Holambra, Avaré, Poços de Caldas, Jundiaí e Barretos. Também estiveram em cinco edições do “Viola de todos os Cantos” da EPTV. Além de participações em inúmeros CDs de festivais sertanejos com músicas inéditas, lançaram o CD Gilmar e David França (Regional Caipira). São idealizadores e organizadores do Festival da Canção de Andradas.


Luiz Salgado (Araguari)
O violeiro cantador e compositor, Luiz Salgado, nasceu em 1976 na cidade de Patos de Minas/MG e reside atualmente em Araguari, cidade do Triângulo Mineiro. Convivendo diretamente com o Cerrado mineiro vem levantando bandeiras ecológicas, por meio de um trabalho musical mesclado com a modernidade, mas influenciado principalmente pelas festas populares como Folias de Reis e Congado, que são duas fortes manifestações culturais da região. No seu ofício de cantador faz de sua viola não só um instrumento musical de trabalho, mas também uma ferramenta de combate. Com seus acordes, ponteados e versos, canta o cerrado, o mato, a prosa, o causo, tornando sua música uma atitude diante da cultura e da vida, imprimindo uma maneira de ver o mundo e celebrar a beleza da tradição, da natureza, dos costumes e do folclore dessa região de Minas Gerais.


Ge Alvarenga e participação de Renan Ribeiro (Cruzília)
Renan Ribeiro e Ge Alvarenga são primos, nascidos na cidade de Cruzília, no interior de Minas Gerais. Por volta dos 11 anos de idade, em 2002, iniciaram sua trajetória musical. Primeiramente pela banda Magos do Rock, que nesta época se apresentava em algumas festas tradicionais da região, e depois por participações em festivais escolares. A família de ambos, composta por músicos, sempre fez grande parte na influência musical. Entre 2006 e 2020 se dedicaram a projetos paralelos. Ge compôs e produziu seu projeto solo e sua banda OBEY!, participou de festivais pelo Brasil e tocou em alguns estados do país. Renan fez participações e ganhou premiações em festivais em Minas Gerais e outros estados. Renan e Ge sempre tiveram influência da MPB, Rock, música regional e vários outros gêneros musicais. Hoje eles participam, já ganharam premiações em festivais pela região. Pretendem se dedicar à sua música um pouco mais a cada dia, tendo sempre em mente a sua verdade e respeito pela arte.
Ver o ouvir: https://www.youtube.com/channel/UC3IvDdjfHZYHz_OZZrNr5gQ


Cláudio Couto (Andradas)
Claudio Couto é natural de São Caetano do Sul, mas reside em Andradas/MG desde os anos 80. É músico, compositor e professor de música. Foi aluno dos mestres Gilmar França e Carlos Donizete, em harmonia e técnicas deguitarra. Profissionalmente participou de várias bandas e conjuntos de Andradas e região. Acompanhou artistas em festivais como Dimi Zumque, Anderson Martins, Mariana Macedo, Wilson Teixeira, Ito Moreno, David e Gilmar França. Como compositor participou de festivais em Andradas,  Mogi Mirim, São Lourenço e tantos outros por esse Brasil à fora. Neste momento é músico da Banda Pop Regional e se prepara para lançar seu primeiro trabalho solo sobre a tutela do produtor Deivid Santos.


João Carlos e Carlos Leite (Poços de Caldas)
João Carlos Ponci e Carlos José Leite são naturais de Poços de Caldas/MG A dupla foi formada em abril de 2012. Sempre foram participantes ativos do meio artístico na música caipira tendo o gosto pela cantoria, pelos instrumentos violão e viola caipira, além do desejo de preservar a autêntica cultura cabocla através de manifestações artísticas. Atuam então em uma jornada de trabalho seja como compositores, intérpretes e músicos sertanejos raiz/regional ou em apresentações direcionadas a festas populares e peças teatrais. Cantando e tocando com o instrumento no peito, valorizam as tradições e a cultura do povo rural. Esse trabalho abriu as portas para apresentações da dupla em auditórios de programas de rádio e televisão como os programas “Brasil caipira” do apresentador Luiz Rocha em Brasília – DF e “Viola Minha Viola”, da saudosa Inezita Barroso, na TV cultura de São Paulo. Em 2015, a dupla lançou seu 1° CD intitulado “Coração Roçado”. João Carlos e Carlos Leite são sócios fundadores da Associação de Violeiros de Poços de Caldas.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61 - Sala 207 - Centro - São Lourenço - MG