02:18hs
Quarta Feira, 18 de Setembro de 2019
Cruzília - Notícias
27/04/2017 10h03

População canina em abandono chama a atenção de autoridades em Cruzília

Munícipio realizará mutirão de castração em junho para reduzir o número de cães abandonados na cidade

Mutirão de castração acontecerá ainda no primeiro semestre deste ano

O número crescente de cachorros abandonados nas ruas de Cruzília tem chamado à atenção da população e, principalmente, de autoridades. A cidade, que tem pouco mais de 15 mil habitantes, ainda não possuí um levantamento da população canina. A quantidade de animais abandonados, entretanto, está visualmente aumentando no município. Pensando nisso, a cidade realizará, ainda no primeiro semestre do ano, o mutirão de castração.

O projeto, segundo a prefeitura, foi criado a partir da necessidade de o município minimizar esta população. Uma das características já observada é a própria cidade, que tem grande fluxo de visitantes e, por isso, cães acabam sendo abandonados em Cruzília.

O trabalho para castrar os cães será feito com o auxílio da ONG Mãos Amigas, que já passou por algumas cidades do Sul de Minas oferecendo o serviço através do Castramóvel. De acordo com o Setor de Vigilância Epidemiológica, a ação da ONG está prevista para acontecer em junho, no dia 24.

A força tarefa para castrar os animais acontece também com o apoio de voluntários e protetores de animais, que estão contribuindo com local de hospedagem dos cães no pós-operatório e a atenção veterinária de profissionais do município em caso de complicações durante a recuperação dos bichinhos.  

O Castramóvel ficará estacionado na Praça Capitão Maciel, no centro da cidade. A castração abrangerá também os gatos. A previsão do Setor de Vigilância Epidemiológica espera castrar 70 animais. Ainda de acordo com o órgão, haverá uma lista de espera de mais 15 cães e gatos, entre machos e fêmeas para serem esterilizados. O atendimento do Castramóvel acontecerá entre as 7h e às 17h.  

O município está fazendo ainda um levantamento da população canina na cidade. A pesquisa teve início neste mês e se estenderá até maio próximo. A administração municipal prevê ainda continuar com este tipo de trabalho na cidade, caso o mutirão de castração dê certo.

Atualmente, a prefeitura não possui um canil municipal. A gestão informou que outras demandas necessitam de solução na área de Vigilância em Saúde e, por isso, ainda há previsão a construção do mesmo. A administração ressaltou que, portanto, trabalha com ações pontuais como o Castramóvel e outros projetos em construção.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG