21:14hs
Quarta Feira, 18 de Setembro de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1379
Correio do Papagaio - Edição 1380
Culinária
24/12/2012 09h40

Maior lanche do Sul de Minas ganha opções natalinas

Sanduíches de Poços de Caldas pesam 1,4 kg e medem 20 cm de altura.
 
Lanche pesa 1,4 quilo e mede cerca de 20 centímetros de altura (Foto: Jéssica Balbino / G1)
Lanche pesa 1,4 quilo e mede cerca de 20 centímetros de altura (Foto: Jéssica Balbino / G1)

Pão, pernil, abacaxi, bacon, tomate, alface, ovo, requeijão, presunto e mussarela. Estes são alguns dos ingredientes do lanche ‘Moda Pernil’, servido especialmente durante o Natal em um dos trailers de Poços de Caldas (MG). Com 1,4 quilo e quase 20 centímetros de altura, o lanche é considerado, pelos proprietários dos trailers, o maior do Sul de Minas.

Além de tradição na cidade, os locais oferecem uma opção diferenciada no cardápio. São quatro tipos de sanduíches de pernil, desde o mais simples que custa R$ 13, ao mais sofisticado, que chega a R$ 22. Mas é justo o mais caro que atrai, tanto moradores quanto turistas, como o casal Larrisa e Itamar, que encerraram um dia de compras na cidade com um lanche. “Nós somos de Guaxupé (MG) e sempre que estamos em Poços de Caldas fazemos questão de comer o sanduíche”, comenta Larissa.

Casal de Guaxupé aprecia os lanches de Poços de Caldas (Foto: Jéssica Balbino)
Casal de Guaxupé aprecia os lanches de Poços de
Caldas (Foto: Jéssica Balbino / G1)

A escolha do lanche se deu por conta da preferência pelo tipo da carne e também pela data natalina. “Eu gosto muito de pernil e quando vi o cardápio especial, não resisti, pedi logo o à moda da casa, que é o maior”, diz Itamar. E o resultado é satisfatório: “Adorei! Quando voltar a Poços vou aproveitar para comer novamente”, completa.

Mas eles não são os únicos. O trailer, segundo o proprietário, Ivan Marcos de Lima, serve cerca de 10 lanches de pernil por dia. Quantia que aumenta em até 70% durante o período de Natal. “Nós funcionamos em horários especiais e alternativos e as pessoas procuram bastante mesmo”, conta.

Questionado sobre a receita do sanduíche, Lima conta que se inspirou em um lanche que conheceu em Portugal. “Eu comi, gostei e resolvi adaptar a receita”, lembra. O trailer existe há oito anos e ele garante que o principal ingrediente não consta no cardápio. “Nós que criamos os lanches que servimos, mas o diferencial mesmo é o tempero, que é único”.

Por mês, o trailer, que tem cinco funcionários, vende cerca de três mil sanduíches e atrai pela diversidade. O autônomo Ricardo Assis vive em Poços de Caldas e conta que não dispensa o sanduíche, inclusive no período do Natal. “Como eu moro sozinho e não tenho muita habilidade para cozinhar, sempre opto pelo lanche. Hoje estou comendo um de pernil simples, mas é bom saber que existe esta opção. Provavelmente voltarei durante o Natal para experimentar o maior”, dispara.

Outras opções

A cidade dispõe de pelo menos 30 trailers de lanches, tanto na área central quanto em outros bairros, e o tamanho do sanduíche é o que chama a atenção. Os lanches, com tamanho e peso fora do padrão, tiveram início em 1975 na praça central da cidade e a tradição se espalha.

Com opções entre pequeno e grande, um lanche raramente pesa menos que um quilo e cada cardápio dispõe de pelo menos 10 variedades.

É entre tantas destas opções que dois trailers oferecem também como opção natalina, lanches de lombo com abacaxi. O pão de pelo menos 20 centímetros de espessura abriga lombo, mussarela, milho, bacon e abacaxi e atrai quem gosta deste tipo de carne.

Maior lanche do Sul de Minas ganha opções natalinas  (Foto: Jéssica Balbino / G1)
Maior lanche do Sul de Minas ganha opções natalinas (Foto: Jéssica Balbino / G1)

“Eu adoro lombo e não resisti quando vi no cardápio. Pedi e realmente é muito gostoso, mas estou surpresa com o tamanho. Não imaginava que era um lanche tão gigante quando fiz o pedido”, surpreende-se Maria Aparecida de Brito, que vive em São Paulo e comeu, pela primeira vez, o sanduíche.

Para completar, há quem não se contente apenas em comer o lanche de lombo com abacaxi e pede a receita. “Quero saber como é feito e reproduzir a receita em casa, para meus filhos. Difícil mesmo vai ser encontrar um pão deste tamanho. O bom é que um lanche só dá para a família toda”, brinca Carolina Nunes, que é do Rio de Janeiro e também comeu o maior sanduíche da região pela primeira vez.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG