Estamos de luto pelo Carlinhos do Hospital de Aiuruoca
02:03hs
Segunda Feira, 26 de Outubro de 2020

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1481
Correio do Papagaio - Edição 1484
Esportes
23/09/2020 21h40

Athletico-PR bate Colo-Colo com dois gols contra e se isola na liderança do grupo

Com um início fulminante de jogo, o Athletico-PR derrotou o Colo-Colo por 2 a 0 nesta quarta-feira, na Arena da Baixada, e encaminhou a classificação às oitavas de final da Copa da Libertadores. O time paranaense conquistou o triunfo com dois gols antes dos 15 primeiros minutos, ambos marcados por jogadores do time chileno.

O resultado deixa o Athletico-PR na liderança isolada do Grupo C, com nove pontos, e muito próximo de garantir a vaga ao mata-mata. O Colo-Colo parou nos seis pontos, no segundo lugar da chave. No entanto, o time chileno pode perder o posto para Jorge Wilstermann ou Peñarol, que somam três pontos e se enfrentam na quinta-feira.

O triunfo foi assegurado com facilidade. Os anfitriões foram soberanos em quase toda a partida, especialmente no primeiro tempo, etapa em que marcaram os dois gols em um intervalo de sete minutos. O toque de bola rápido e a bola parada foram essenciais para o resultado positivo na Arena da Baixada.

A vitória começou a ser construída aos sete minutos. Após cobrança de escanteio, Felipe Campos desviou contra o próprio gol e abriu o placar. Pedro Henrique comemorou como se o gol tivesse sido dele, mas o tento foi mesmo assinalado para o zagueiro do time chileno. Sem problemas para o defensor brasileiro, que celebrou bastante.

Sete minutos depois, Christian acionou Léo Cittadini, que chutou cruzado para a defesa de Cortés. No rebote, Erick chegou dividindo com a marcação e a bola entrou. Outro gol contra, desta vez marcado por Suazo. Depois disso, a equipe paranaense ainda teve mais outra oportunidade para ampliar, com Pedrinho, mas o atacante cabeceou para fora.

O domínio foi tão grande que o Athletico-PR encerrou a etapa inicial com sete finalizações, sendo quatro no gol e cinco chances claras, enquanto que o adversário não arrematou à meta paranaense e também não teve nenhuma oportunidade real de gol.

No segundo tempo, os donos da casa se acomodaram. Foram lentos e se preocuparam mais em administrar a vantagem do que ampliá-la. A postura não custou o resultado porque o Colo-Colo foi inócuo e o time brasileiro, mesmo que acomodado, soube controlar a partida e se mostrou seguro defensivamente.

Com muita dificuldade para criar e mostrando fragilidades técnicas claras, a equipe chilena só foi ameaçar o gol de Santos aos 45 minutos, em um arremate de Felipe Campos defendido com tranquilidade.

Os dois times voltam a campo pela Libertadores na próxima terça-feira, dia 29. Às 19h15, o Colo-Colo visita o Peñarol, em Montevidéu. O Athletico-PR enfrenta o Jorge Wilstermann, da Bolívia, na Arena da Baixada, às 21h30. No sábado, às 19 horas, o time paranaense tem compromisso contra o Bahia pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR 2 X 0 COLO-COLO

ATHLETICO-PR - Santos; Jonathan (Jorginho), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Márcio Azevedo (Abner Vinícius); Wellington, Erick, Léo Cittadini (Lucho González), Pedrinho (Geuvânio) e Christian (Léo Gomes); Fabinho. Técnico: Eduardo Barros.

COLO-COLO - Cortés; Opazo (Soto), Felipe Campos, Insaurralde e De la Fuente (Véjar); Fuentes, Suazo e Matias Fernández (Carmona); Bolados (Gabriel Costa), Parraguez e Mouche (Leonardo Valencia). Técnico: Gualberto Jara.

GOLS - Felipe Campos (contra), aos sete, e Suazo (contra), aos 14 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Fernando Rapallini (Argentina).

CARTÕES AMARELOS - Léo Cittadini (Athletico-PR); Leonardo Valencia e Soto (Colo-Colo).

PÚBLICO E RENDA - Jogo sem torcida.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG