18:51hs
Sábado, 21 de Maio de 2022

Leia nossas últimas edições

Leia agora o Correio do Papagaio - Edição 1643
Esportes
28/11/2014 17h35

Fernando Prass é denunciado no STJD por 'mala branca'

Titular do Palmeiras, o goleiro Fernando Prass foi denunciado pela Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por ter admitido que já recebeu "mala branca". A pena é de multa entre R$ 100,00 e R$ 100 mil e suspensão pelo prazo de 360 a 720 dias. O julgamento ainda não tem data definida.

Fernando Prass foi indiciado no artigo 238, que trata do recebimento ou solicitação de vantagem indevida em qualquer entidade desportiva para praticar, omitir ou retardar ato de ofício. "Mala branca" significa o ato de um clube oferecer dinheiro para motivar uma equipe a vencer a outra, a fim de se beneficiar do resultado - é diferente da "mala preta", dado para um time perder de propósito.

Durante a entrevista coletiva da última quarta-feira, ocasião em que admitiu ter recebido "mala branca", Fernando Prass afirmou que o caso teria acontecido em 2013, quando já era jogador do Palmeiras. Mesmo depois de tanto tempo da suposta infração, a denúncia é valida, pois a conduta tem pretensão punitiva com prescrição em 20 anos.

A procuradoria do STJD explicou os motivos da denúncia. "A prática da denominada 'MALA BRANCA' se mostra extremamente perniciosa ao esporte, fere os mais comezinhos princípios éticos e morais do homem médio e é diametralmente contrária ao fair play, é o que deve prevalecer entre aqueles que aplicam a legislação desportiva. Isso porque a 'MALA BRANCA' ou 'doping financeiro' gera a desigualdade entre os clubes e valoriza a capacidade econômica em detrimento da motivação pessoal dos atletas e do espírito desportivo", diz o texto.

Na entrevista coletiva desta sexta-feira, em Porto Alegre, antes da denúncia do STJD, o técnico Dorival Júnior defendeu seu goleiro. "A sinceridade no nosso País sempre será combatida. Não vamos combater o imoral e o ilegal, e, sim, o sincero. Infelizmente é isso que acontece", disse o comandante palmeirense, nitidamente incomodado com a situação.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61 - Sala 207 - Centro - São Lourenço - MG