12:21hs
Domigo, 29 de Março de 2020

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1423
Correio do Papagaio - Edição 1422
Esportes
28/02/2020 13h20

Gabriel reconhece que Corinthians está em 'colocação que não é digna'

O início de temporada do Corinthians é ruim. Eliminado da Copa Libertadores em suas etapas preliminares, a equipe não tem se saído muito melhor no Campeonato Paulista. O time venceu apenas duas das oito partidas que disputou na competição, está com nove pontos e pode deixar a zona de classificação às quartas de final na conclusão da rodada aberta com o empate por 1 a 1 contra o Santo André, na última quarta-feira, em Itaquera.

O volante Gabriel reconheceu que a equipe possui ajustes a realizar, especialmente defensivos. Reconheceu que o Corinthians está em uma "colocação que não é digna" e prometeu trabalho para o time se classificar ao mata-mata e buscar o tetracampeonato estadual.

"Precisamos trabalhar alguns posicionamentos em campo, fechar espaço, não deixar o adversário com tanta liberdade para jogar. São coisas a melhorar para não tomar gols e, ao mesmo tempo, lá na frente colocar a bola para dentro da rede e poder vencer. Estamos numa colocação que não é digna de Corinthians, então temos que trabalhar para mudar isso o mais rápido possível para classificar e mostrar nossa força no mata-mata. Somos o atual tricampeão. Nosso primeiro objetivo é a classificação e, depois, passo a passo, jogo a jogo, buscar o título", disse.

Em razão dos resultados ruins, o Corinthians foi alvo de protesto de sua principal torcida organizada, a Gaviões da Fiel, no dia da partida contra o Santo André. Gabriel assegurou que encara as cobranças com naturalidade e que os próprios jogadores vêm conversando sobre a necessidade de melhorar.

"A pressão vem por ser Corinthians, tentamos encarar de uma maneira natural, acontece, e a torcida está no direito de cobrar. Jogamos no Paraguai e eles estavam lá, não podemos reclamar da torcida. Temos que nos cobrar internamente para melhorar e poder ajudar o trabalho do Tiago. Ele é um cara experiente, que a gente respeita bastante, e está com muita vontade de vencer. Essa maré vai passar e as coisas vão acontecer", garantiu o camisa 5.

A antecipação da partida contra o Santo André deixou o Corinthians com bastante tempo de preparação para o confronto com o Novorizontino, fora de casa, marcado para 7 de março. Gabriel avisou que vai aproveitar a folga no fim de semana para observar os demais times do Paulistão. E prometeu que o time estará mais forte em seu próximo compromisso.

"Temos que usar isso a nosso favor, nos aspectos físico, tático e de concentração. Estou muito antenado nos detalhes dos adversários. Se der para dar uma olhada nos jogos (das outras equipes, no Paulistão, neste fim de semana) eu vou ver, interfere no meu trabalho. Estou 100% focado nisso. Brinco que fora daqui eu vivo o Corinthians ainda, vivo o campeonato, temos que nos atentar aos mínimos detalhes para fazer a diferença lá na frente. Com descanso e semana de treinos, o Tiago vai nos treinar para, com todo respeito, ganharmos do Novorizontino", concluiu.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG