15:02hs
Sexta Feira, 20 de Maio de 2022

Leia nossas últimas edições

Leia agora o Correio do Papagaio - Edição 1643
Esportes
10/11/2014 11h35

Rosberg diz contar com ajuda de Massa para levar título

A vibração no pódio do GP do Brasil não durou muito tempo para Nico Rosberg. Vencedor no Autódromo de Interlagos, o piloto alemão começou a planejar o decisivo GP de Abu Dabi, daqui a duas semanas, logo depois da bandeirada em São Paulo. Ele conta com uma ajuda crucial de Felipe Massa para desbancar o inglês Lewis Hamilton no campeonato e faturar o título da temporada 2014 da Fórmula 1 na última corrida do ano.

Em segundo lugar na classificação geral, Rosberg está a 17 pontos do companheiro de Mercedes. Para reverter essa desvantagem, ele conta com a pontuação dobrada que será distribuída em Abu Dabi. Desta forma, precisa vencer a corrida e ainda torcer para que um outro piloto fique entre ele e Hamilton - se o inglês terminar em segundo no dia 23, garante o bicampeonato.

Para Rosberg, o melhor candidato para fazer este "serviço" é Felipe Massa. "Ele é o cara. Vou precisar da ajuda do Felipe", admite o alemão. "Lewis não pode terminar em segundo. Minhas chances só serão realistas se ele ficar ao menos em terceiro", enfatiza Rosberg, quase em tom de súplica ao brasileiro.

O candidato ao título já sabe como convencer Massa a se tornar seu mais novo melhor amigo nas próximas semanas. "Eu preciso motivar o Felipe e fazer com que ele tenha um momento relaxante para fazer um fim de semana esplêndido em Abu Dabi. Assim, ele chegará em segundo e eu vencerei a corrida!", afirma, sem disfarçar o sorriso.

Massa já deixou claro que vai aproveitar qualquer oportunidade em Abu Dabi, ainda no embalo do terceiro lugar obtido em Interlagos. "Eu quero vencer!", avisou o brasileiro, surpreendido Rosberg. "Isso não me ajuda muito. Não precisa ser tão rápida. Precisa ficar entre eu e Lewis", brinca o alemão.

Não foi por acaso que ele elegeu o brasileiro para a missão de parar Hamilton daqui a duas semanas. Massa vem crescendo a cada corrida nesta segunda metade do campeonato e pilota pela equipe que mais se aproximou da Mercedes nas últimas provas. Para ajudar, ganhou confiança com o pódio em São Paulo e o todo o apoio demonstrado pela torcida. "Temos um carro competitivo. Tenho certeza de que poderemos subir ao pódio novamente", projeta Massa.

Desta forma, o brasileiro, mesmo distante da briga pelo título, poderá ter papel fundamental na definição do título. "Será um thriller, um filme blockbuster para os fãs. E eu preciso vencer, este é o meu plano", afirma Rosberg.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
Dra Milena Psicologa
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61 - Sala 207 - Centro - São Lourenço - MG