13:47hs
Sexta Feira, 20 de Maio de 2022

Leia nossas últimas edições

Leia agora o Correio do Papagaio - Edição 1643
Esportes
10/11/2014 19h10

Santos corre risco de perder Robinho no final do ano

Na semana passada, surgiram rumores de que o Milan teria recebido propostas de clubes dos Estados Unidos e do Catar por Robinho e que o jogador estaria propenso a aceitar uma delas, para ter novamente um salário de padrão internacional - ele ganha em torno de R$ 500 mil mensais no Santos, bem abaixo do que recebia na Itália -, talvez no último contrato de sua carreira.

A assessoria do atacante de 30 anos afirmou desconhecer qualquer proposta para que ele vá embora antes do término do seu empréstimo ao Santos, em 30 de junho de 2015. Mas tem gente no clube que acredita num adeus precoce. "Acredito que Robinho vai voar", confidenciou um importante dirigente santista.

Essa mesma fonte garante que o atacante não desfruta de nenhum privilégio e tem sido compreensivo, como os demais jogadores, diante dos seguidos atrasos do clube no pagamento de salário e do direito de imagem, mas que, como já atingiu o objetivo de retornar à seleção brasileira e o Santos disputará apenas o Campeonato Paulista nos primeiros meses de 2015, provavelmente prefira sair no final desta temporada.

PLANEJAMENTO - Com a derrota para o Corinthians no domingo, o sexto resultado negativo seguido, o ano praticamente acabou para o Santos. Agora, resta apenas cumprir tabela e contar os dias para as férias. Após o clássico no Itaquerão, o técnico Enderson Moreira afirmou que o time poderia ter avançado na Copa do Brasil e ter continuado vivo no Brasileirão se não tivesse perdido Geuvânio e Thiago Ribeiro por contusão.

O treinador não esconde a vontade de cumprir o restante do contrato até dezembro de 2015, mas corre o risco de ser dispensado pelo clube ao final da temporada. Mesmo sem saber se vai ser mantido pelo presidente a ser eleito no dia 6 de dezembro, Enderson Moreira já fala em planejamento para a próxima temporada. Ele adiantou que o Santos precisa buscar um destino diferente para jogadores que estão sendo pouco aproveitados e contratar "uma ou duas" peças para que o time fique mais forte e dispute títulos em 2015.

O goleiro reserva Vladimir, os zagueiros Neto, Bruno Uvini e Vinícius Simon, o veterano volante Renato (35 anos) e os atacantes Rildo e Giva - este último está encostado - são jogadores cujos contratos vencem em 31 de dezembro. Todos, portanto, têm boas chances de deixar o clube. Outros integrantes do elenco devem ser negociados porque representaram investimentos altos, como o meia argentino Patito Rodríguez. Enquanto isso, alguns jovens como Léo Citadini, Leandrinho, Zé Carlos e Stefano Yuri seriam emprestados para adquirir experiência.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61 - Sala 207 - Centro - São Lourenço - MG