15:28hs
Sexta Feira, 20 de Maio de 2022

Leia nossas últimas edições

Leia agora o Correio do Papagaio - Edição 1643
Esportes
16/11/2014 21h40

Vitória bate Chapecoense e deixa zona de rebaixamento

Em jogo marcado por inúmeros erros nos dois lados, o Vitória levou a melhor no confronto direto com a Chapecoense e ganhou por 1 a 0, neste domingo, na Arena Condá, em Chapecó. Com o resultado positivo, o time baiano conseguiu sair da zona de rebaixamento do Brasileirão, deixando seu posto justamente para o adversário catarinense.

O Vitória tem agora 37 pontos, em 15º lugar no campeonato. Já a Chapecoense ficou estacionada nos 36 pontos, caindo para o grupo dos quatro últimos colocados - abre a zona de rebaixamento na 17ª posição.

O jogo em Chapecó foi equilibrado no primeiro tempo. Logo no início, a Chapecoense viu uma boa chance explodir no travessão do goleiro Wilson, após Fabiano pegar uma sobra de primeira.

A partir dos 20 minutos, o jogo começou a mudar um pouco a favor do Vitória. A Chapecoense passou a se atrapalhar mais no meio do campo, dando chance aos visitantes investirem no ataque. Aos 36, por exemplo, Richarlyson cobrou falta perigosa, que sobrou para Kadu quase marcar.

Na segunda etapa, os dois times diminuíram o rendimento. A Chapecoense começou novamente mostrando mais iniciativa, mas se perdia nos passes errados. E o Vitória preferiu adotar a cautela, para atacar só em boas condições.

No clima de tudo ou nada, o técnico Jorginho decidiu deixar a Chapecoense mais ofensiva, com a entrada do atacante Bruno Rangel no lugar do meia Camilo aos 30 minutos. Mas a alteração não acabou com os erros da equipe. Aí, o Vitória fez seu gol. Aos 35 minutos, em tabela com Caceres, Dinei chutou forte, sem chances de defesa para o goleiro Danilo.

FICHA TÉCNICA:

CHAPECOENSE 0 x 1 VITÓRIA

CHAPECOENSE - Danilo; Fabiano, Rafael Lima, Douglas Grolli e Jussandro; Bruno Silva, Diones, Ricardo Conceição (Nenén) e Camilo (Bruno Rangel); Tiago Luis e Leandro. Técnico: Jorginho.

VITÓRIA - Wilson; Nino, Roger Carvalho, Kadu e Mansur; José Welison, Caceres, Richarlyson (Adriano) e Marcinho (Juan); Dinei (Guillermo Beltrán) e Edno. Técnico: Ney Franco.

GOL - Dinei, aos 35 minutos do segundo tempo.
ÁRBITRO - Luis Flávio de Oliveira (SP).
CARTÕES AMARELOS - Nino Paraíba e Richarlyson (Vitória).
RENDA - R$ 127.725,00.
PÚBLICO - 12.649 pessoas.
LOCAL - Arena Condá, em Chapecó (SC).

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
Dra Milena Psicologa
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61 - Sala 207 - Centro - São Lourenço - MG