23:41hs
Sexta Feira, 24 de Novembro de 2017

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1047
Correio do Papagaio - Edição 1054
Eventos
04/11/2017 09h17

I Congresso Estadual de enfrentamento a violência contra a mulher

Evento será realizado neste mês de novembro em Itanhandu

No próximo dia 14 de novembro o município de Itanhandu-MG irá sediar o I Congresso Estadual de enfrentamento a violência contra a mulher. O evento será realizado no salão de festas Campestre, na rua Governador Valadares, 13, no centro e tem início às 08h. Através de palestras, rodas de conversa e muito debate com o objetivo de fomentar o debate sobre a violência na sociedade em busca de construir trabalhos preventivos e efetivos.
“Sou militante em Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes desde 2010. Já percorri 74 cidades dos estados de MG, RJ, SP, RS e PA ministrando palestras e cursos de capacitação aos profissionais que atuam na área da infância e juventude. Em cada lugar que passo procuro conhecer qual a realidade, dificuldade e avanços das Políticas Públicas, e com isso, ficou muito claro que a Violência contra a Mulher ainda não tem seu ‘lugar’ nessas discussões quando se fala de serviços e programas que atendam essa população”. Conta Vanessa Lopes Léo, idealizadora do evento.
O principal objetivo do evento é provocar a sociedade a discutir sobre esse tema, envolver todos os setores da sociedade civil e poder público nesse debate em busca de que os trabalhos aconteçam de forma preventiva. O evento tem como público alvo: Conselheiros Tutelares, Conselheiros de Direitos, Técnicos dos Creas e Cras, Profissionais da Saúde, Profissionais da Educação, Gestores, Vereadores, Secretários Municipais e Estaduais, Estudantes, Prefeitos e Docentes.
O evento é uma iniciativa de Vanessa, que escreveu o projeto para um edital de patrocínio do Governo do Estado de Minas Gerais e foi contemplada com o patrocínio do BDMG. O congresso possui um dia de duração, mas Vanessa garante que seu trabalho, que já é realizado há 07 anos, não será encerrado. “Já tenho o plano de ação pós evento. Estarei mantendo essa rede de contatos e assumindo com todos os participantes o compromisso de compartilhar os avanços e sugestões de como construir as Políticas Públicas de acordo com a realidade de cada Município, pois as discussões precisam ser feitas de forma a respeitar a demanda e a realidade do público vítima de violência de toda espécie”, completa Vanessa.
Conheça os palestrantes
Carlos José e Silva Fortes (Casé Fortes) é Promotor de Justiça do Estado de Minas Gerais desde 1991; especializado em Direito Penal; Curador da Infância e Juventude da Comarca de Divinópolis; membro do Grupo de Apoio Técnico da CPI da Pedofilia desde abril de 2008; Coordenador do movimento nacional “Todos contra a pedofilia”.
Marcelo Nascimento é presidente da Associação Paulistana de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares; Consultor em Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes; Professor especialista em Direitos Humanos; Palestrante nacional; Ex-coordenador da Política de Fortalecimento de Conselhos – Governo Federal; Ex-coselheiro Tutelar de São Paulo; Ex-conselheiro municipal de direitos de São Paulo.
Vanessa Lopes Léo é idealizadora e responsável pelo I Congresso; Ex-conselheira Tutelar e Conselheira de Direito; militante em direitos humanos de crianças e adolescentes, oferecendo consultoria e Assessoria em cursos, capacitações, palestras, seminários, conferências e congressos de Fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos de crianças e adolescentes.
Anna Luiza Calixto Amaral é escritora, palestrante, milita no Sistema de Garantia de Direitos desde 2008, é ativista infanto-juvenil pelo Partners of Américas e única ganhadora adolescente do Marco da Paz, além de autora do Projeto Social “Os cinco passos”.
Rebeca Rohlfs Gaetani Barbosa é Coordenadora de Projetos Sociais; Especializada em psicologia hospitalar, tem como principais eixos de atuação as áreas de psicologia social, desenvolvimento humano, gênero, grupos e psicologia clínica. Foi coordenadora da Coordenadoria Especial de Políticas para as Mulheres do Estado de Minas Gerais e coordenadora geral do Instituto Albam (do qual é membro-fundadora). No âmbito do Instituto Albam, ganhou o prêmio “Objetivos de Desenvolvimento do Milênio”, oferecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) e Governo do Estado de Minas Gerais. Atualmente dedica-se prioritariamente a consultorias em desenvolvimento humano.
Além dos palestrantes, o congresso conta também com a apresentação artística da AABB, comunidade da cidade de Itanhandu, e a orquestra da Fundação Caio Martins de Belo Horizonte, todos projetos trabalhados com crianças e adolescentes.

SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG