01:30hs
Sábado, 20 de Abril de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1313
Correio do Papagaio - Edição 1323
Geral - Noticias
09/04/2019 14h40

Casos de dengue aumentam mais de 700% em Minas Gerais

Dados são preocupantes e várias ações de conscientização estão sendo realizadas

Foto: Divulgação

LBV lançou a campanha para alertar sobre a dengue

Minas Gerais se encontra em situação preocupante com o aumento dos casos de dengue em 2019. Segundo dados divulgados pelo do Ministério da Saúde, o número de casos registrados nas 11 primeiras semanas deste ano já é 734% maior do que o do mesmo período do ano passado. Os casos prováveis da doença – que engloba as confirmações e os suspeitos – já superaram 66 mil registros. As mortes também estão aumentando. Já são seis óbitos confirmados. A situação pode ser ainda pior, pois há 27 casos de pacientes que não resistiram aos sintomas que ainda estão sendo investigados.

O estado se encontra na 5ª posição entre os que apresentam alta incidência de dengue (maior que 100 casos por 100 mil habitantes), com 261,2 casos a cada 100 mil habitantes. Na frente de Minas estão ta incidência da doença, ou seja, estão com a incidência maior que 100 casos por 100 mil habitantes: Tocantins (602,9 casos/100 mil hab.), Acre (422,8 casos/100 mil hab.), Mato Grosso do Sul (368,1 casos/100 mil hab.) e Goiás (355,4 casos/100 mil hab.). Após Minas Gerais, vem o Espírito Santo (222,5 casos/100 mil hab.) e Distrito Federal (116,5 casos/100 mil hab.).

E os dados mostram aumento da doenças, não só em Minas, mas em todo o Brasil. Casos de dengue aumentaram 149% em comparação com 2018

Já os casos de zika e chikungunya tiveram uma redução. Até 02 de fevereiro, foram notificados 630 casos de zika em todo o país, com uma redução de 18% em relação ao mesmo período de 2018. Em relação aos casos de chikungunya, o Brasil apontou redução de 51%.

Os dados são alarmantes e para combater e conscientizar cada vez mais a população sobre o mosquito, várias ações estão sendo realizadas em todo o país. Uma delas é a campanha Eu ajudo a mudar, realizada pela Legião da Boa Vontade (LBV).

A campanha consiste em mobilizar a sociedade a formar uma força-tarefa para o combate ao Aedes aegypti. E essa mobilização é feita pelas crianças, todas atendidas pela Instituição, que ensinam ações simples, mas importantes para o combate eficaz ao mosquito.

A LBV é é uma entidade brasileira de assistência social e, em 2018, prestou, mais de 13,5 milhões de atendimentos e benefícios à população em 211 cidades brasileiras, por meio de seus 72 Centros Comunitários de Assistência Social, três Abrigos para Idosos, um Centro de Assessoramento, cinco Escolas de Educação Básica e uma Escola de Capacitação Profissional, além de diversas campanhas de mobilização social, emergenciais, de conscientização e de valorização da vida.

Para dar continuidade ao amplo trabalho que realiza na melhoria da qualidade de vida de milhares de pessoas e famílias em risco social, oferecendo educação, cultura, saúde, alimentação, oportunidades, cidadania, dignidade, confiança no futuro e bem-estar, a Legião da Boa Vontade conta com a ajuda de todos.

As doações para a manutenção dos programas socioeducacionais da Legião da Boa Vontade podem ser feitas pela página eletrônica www.lbv.org. Acesse os perfis da Instituição nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no YouTube e no Instagram.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG