10:56hs
Domigo, 17 de Fevereiro de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1279
Correio do Papagaio - Edição 1291
Geral - Noticias
10/02/2019 19h41

Idoso de 83 anos é resgatado após 5 dias perdido na mata em SP

O idoso Agostinho de Oliveira, de 83 anos, foi resgatado por motociclistas, na tarde deste sábado, 9, após ficar cinco dias perdido no interior de uma mata, na zona rural de Sarapuí, interior de São Paulo. Embora desorientado e desnutrido, ele estava lúcido e conseguiu dar indicações para o contato com a família, que mora em Mairinque, a 80 km de onde foi achado. Os familiares procuravam Oliveira desde que ele saiu de casa, na segunda-feira, 4, para visitar uma irmã em São Roque, quando desapareceu.

Conforme a família, o idoso toma remédios para o coração e já havia apresentado algumas falhas de memória, mas tinha autonomia e dirigia o próprio carro. Ele saiu com o carro para ir à casa da irmã, no bairro Cambará, na cidade vizinha, mas não chegou ao destino, nem voltou para casa. A família passou a fazer buscas na região e chegou a acionar a polícia. Anúncios dando conta do desaparecimento foram publicados em jornais da região.

O idoso não soube explicar como foi parar na mata de Sarapuí, onde não tem familiares. Oliveira alegou que seu carro encalhou na lama e ele o abandonou, passando a caminhar em busca de ajuda, mas se perdeu. O motociclista Jair de Almeida fazia uma trilha pela mata com um grupo de amigos, quando avistou o idoso sentado num pequeno barranco, na Estrada do Areião. Ele vestia bermudas, estava sem camisa e tinha os pés numa poça de água. Ao perceber que o homem estava maltrapilho e aparentemente desorientando, Jair o abordou.

O motociclista contou que estava com cinco amigos, de moto, e três deles já haviam passado pelo idoso, mas não pararam. "Quando passei eu o vi naquele lugar deserto, levei um susto e parei. Um amigo que estava logo atrás também parou", disse. Ao abordar o idoso, ele logo perguntou se eles tinham vindo salvá-lo. Durante a conversa, o homem revelou que era de Mairinque e que tinha se perdido. "Ele disse que seu carro estava atolado ali perto, acreditando que estava em São Roque, mas naquela região de mata não entra carro", disse Jair.

Como o idoso já não conseguia caminhar, o grupo conseguiu colocá-lo deitado sobre uma das motos e foi empurrando, até que um deles decidiu pedir ajuda em uma chácara. O sitiante usou um trator com carreta para levar o idoso até sua casa. Depois de se alimentar e receber os primeiros cuidados, Oliveira foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Sarapuí para um hospital de Itapetininga. O homem apresentava ferimentos nos pés, joelhos e arranhões pelo corpo, além de picadas de insetos.

Ele contou que sobreviveu tomando água da poça e comendo frutinhas do mato, pois, quando mais jovem, havia trabalhado no Instituto Butantã e tinha noções de sobrevivência. Com base nas informações prestadas por ele, a esposa de um dos motociclistas fez buscas na internet, localizou o anúncio que falava sobre o desaparecimento e fez contato com a família dele. Na manhã deste domingo, familiares estiveram no hospital e levaram o idoso de volta para casa, onde ficará em recuperação. A família ainda tentava localizar o carro abandonado por Oliveira.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG