14:08hs
Sábado, 17 de Agosto de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1370
Correio do Papagaio - Edição 1374
Opinião
01/03/2019 09h01

COMO SORRIR QUANDO SE QUER CHORAR...

Por Daniela Bacha

Como sorrir quando se quer chorar?
Eu ainda estou aprendendo e se der tempo eu posso te contar.
Mas, tem algumas coisinhas que aprendi que eu posso te adiantar...
O joelho esfolado vai passar...
O sorvete derretido não pode ser motivo de desespero, pois vai deixar um cheirinho bom na sua mão lambuzada e a vontade de juntar uns Reais para comprar outro, e talvez, se ele derreter novamente, você até achará graça.
O desentendimento com seu melhor amigo pode ser desfeito, e talvez, nem precise de um discurso, se a amizade de vocês valer mesmo a pena, para os dois, deixa seu olhar mais bonito, carregado de amor e acolhimento tomar conta da reconciliação.
A saudade que dói mais quando a gente é criança, pode ser transformada em lembranças que farão o passado se tornar presente, com toda a intensidade de aromas e sons que um dia seu corpo conheceu.
O grito dos adultos é a dor deles berrando dentro do peito e não, você não é o culpado.
E sim, vale à pena esperar por um presente que se quer muito, porque quando ele chegar, você vai sentir uma alegria tão grande, que ela vai te fazer dançar e cantar e essa melodia vai ser sua trilha sonora para sempre...
Ah sim, existe o feliz para sempre, porque quando a felicidade é muito grande ela é para sempre, isso é um paradoxo, uma palavra muito difícil de explicar e de entender, mas por hora basta sentir.
Aliás, as palavras que podem ser transportadas para os livros e suas histórias, são umas das coisas mais incríveis que o ser humano foi capaz de criar, elas são capazes de transformar o pior em beleza. Não seja inimigo das palavras, elas podem ser libertadoras.
Mas eu preciso te contar o que aprendi numa história chamada Vasalisa, em algum momento do conto a bruxa diz à menina: “Lembre-se, saber demais envelhece antes do tempo.”

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG