04:19hs
Domigo, 18 de Agosto de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1370
Correio do Papagaio - Edição 1374
Opinião
18/06/2015 19h03

Do Mundo No Meu Quintal

Stefan Salej

Por Stefan Salej*

 

Um alemão acorda, toma café Minas, vai trabalhar e o produto que produz vai para o Brasil, chega em casa, tira o sapato e coloca uma sandália Havaiana e come um suculento e bom bife de carne  brasileira .

Aí você também acorda, toma um café Minas, come um pão de queijo que pode encontrar também nos Estados Unidos, vai trabalhar e também produz minério de ferro que vai para China, café que vai pelo mundo inteiro, cria boi e frango que são apreciados em todos os países do mundo, e usa do mesmo jeito sandália Havaiana, como em tantos outros países.

Mas, a televisão tanto a do alemão como a sua, é japonesa, sul-coreana ou holandesa. Os carros são japoneses, alemães, americanos, sul-coreanos. E os celulares são na sua absoluta maioria feitos na China, hoje a maior potência industrial do planeta. Mesmo que as marcas sejam norte-americanas ou européias,  os produtos são feitos na China.

Vivemos em um mundo cada vez mais integrado do ponto de vista da fabricação e dos produtos que oferece. Não tem nenhum lugar, por mais remoto que seja, deste planeta,em que os seus habitantes não tenham acesso pelo menos a um produto, na maioria das vezes é Coca Cola, que não seja de origem estrangeira. Sem falar na TV, que nos traz instantaneamente as notícias do mundo inteiro. Afundou um  navio na China, você tem todas as notícias em português na hora, como se tivesse acontecendo aí na esquina.

O mundo esta na sua casa, no seu quintal, no seu negócio, no seu emprego. Não adianta fugir, mas, como se integrar para se beneficiar desse movimento? Primeiro, como empresário, estudar bem em que isso afeta seu negócio. Por exemplo, na área de comercio de café, a maioria das empresas, e suas marcas famosas de café no Brasil, são estrangeiras. Elas que querem importar café do Peru e Vietnã para misturar com cafés brasileiros para aumentar seus ganhos. Elas tem um forca maior de negociação na compra e na venda, impondo suas condições. O mesmo vale para o trigo o que afeta o preço do pão e assim por diante.

O mundo é um só e você faz parte dele. E nele mandam os mais fortes. Seja um deles!

 

* Stefan Salej - Consultor internacional, ex Presidente da FIEMG  e SEBRAE

 

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG