09:56hs
Quinta Feira, 21 de Novembro de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1390
Correio do Papagaio - Edição 1394
Regional
29/01/2019 10h41

Em reunião com prefeitos do Sul de Minas, Romeu Zema promete regularizar repasses

Comunicado foi feito na tarde da última quinta-feira (24), em Varginha

Foto: Claudemir Camilo/EPTV

Romeu Zema anuncia que vai regularizar repasses para municípios em reunião em Varginha 

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), anunciou na tarde desta quinta-feira (24) que vai regularizar os repasses aos municípios do estado em um prazo de 10 dias. O comunicado foi feito durante uma reunião entre o governador e os prefeitos de cidades do Sul de Minas em Varginha (MG).

“Hoje cedo nós tivemos a posição do secretário de Fazenda, do fluxo de caixa do estado e coincindiu de eu estar aqui e poder dar essa notícia gratificante para os prefeitos de que em até 10 dias nós estaremos fazendo os repasses constitucionais para os municípios sem atraso”, disse o governador.

Segundo a declaração de Zema, os repasses a serem regularizados são a partir de fevereiro deste ano. No entanto, ele não falou sobre valores atrasados de janeiro e da gestão do antigo governador Fernando Pimentel (PT).

Zema ainda aproveitou a oportunidade para pedir que os chefes do Executivo não atrasem o calendário escolar, para que as aulas voltem no mês de fevereiro. Ainda conforme o governador, uma posição sobre o pagamento do 13º salário dos servidores públicos será dada nesta sexta-feira (25).

Visita a Varginha

Romeu Zema chegou a Varginha na aeronave do governo do estado. Segundo a assessoria do governo, um levantamento mostrou que usar o avião oficial seria mais barato do que um avião particular para fazer o trajeto até a cidade.

O primeiro compromisso do governador foi um encontro com 60 empresários no Porto Seco. No discurso de 15 minutos, o governador falou sobre as dívidas do estado. Ele disse que Minas Gerais deverá fechar o ano com um déficit de R$ 11 bilhões. Em seguida, ouviu perguntas e sugestões de empresários e representantes de classe.

Na sede da OAB de Varginha o governador se reuniu com prefeitos da região, que cobraram o repasse de recursos como o do Fundeb, por exemplo.

Prefeituras em crise

A falta de repasses do governo estadual provocou crise financeira em diversas cidades do Sul de Minas. Entre os municípios que anunciaram medidas para minimizar a situação e cortar gastos estão São Lourenço, Andradas,Guapé, Paraisópolis, Passos, Poços de Caldas e Três Corações.

Com informações do G1 Sul de Minas

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG