16:55hs
Quinta Feira, 30 de Outubro de 2014
São Lourenço - Notícias
10/10/2013 00h18 - atualizado em: 10/10/2013 00h18
Lamentável boicote ao Direito e a Faculdade de São Lourenço
Apesar do boicote, a Instituição não envidará esforços para continuar com sua proposta .

A Faculdade de São Lourenço, por meio do seu Curso de Direito, notabiliza-se por sua atuação destacada em formar profissionais do Direito, advogados, juízes, promotores, defensores público, procuradores, com forte consciência de suas responsabilidades enquanto cidadãos preocupados com a possibilidade de que o Direito sirva de instrumento para a transformação social. No entanto, no último ENADE (Exame Nacional do Desempenho dos Estudantes) realizado no ano de 2012 para o curso de Direito, exame que pretende revelar a qualidade da proposta educacional de uma Instituição de Ensino Superior, foi esta vítima de um boicote apresentado pelos concluintes de então que limitaram-se a não responder as questões ou, então, a responder sem o grau de comprometimento que o exame exige, apenas entregando a prova sem refletir efetivamente sobre as questões propostas.

Tal fato, obviamente, teve como resultado o conceito 1 (um) em grau que varia entre 1(um) a 5 (cinco). É preciso salientar que no período avaliativo anterior a nota atribuída ao Curso de Direito foi de 3 no Enade e 5 no Conceito Preliminar de Curso e mesmo em Exames anteriores o Curso de Direito nunca obteve nota menor do que 3 (três). Aqueles que conhecem a Faculdade de São Lourenço sabem muito bem a seriedade e o comprometimento da Instituição, do Corpo Docente, da Direção e dos alunos na formação de indivíduos e bons profissionais para a seara jurídica.

Ora, não é possível que, em apenas 3 (três) anos, a Instituição tenha denegrido suas instalações e o ensino ministrado a ponto de alcançar a nota mínima no ENADE. Este é o ponto de destaque que indica fortemente a realização de um boicote que nada mais faz do que colocar em dúvida a própria realização do Exame e não afere efetivamente a qualidade do ensino ministrado e a competência dos alunos que ali, dia após dia, buscam o Direito como fator de transformação da sociedade em que vivem.

É certo, todavia, que os mesmo concluintes que realizaram o Enade obtiveram expressivo índice de aprovação no Exame da Ordem dos Advogados, mais de 40% (quarenta por cento) dos que prestaram, o que comprova, à saciedade, a habilidade jurídica dos discentes.

Não é preciso dizer mais nada. O fato por si só demonstra a insuficiência do Enade para aferir a qualidade do ensino ministrado em uma IES.

Com efeito, apesar do boicote ao Enade realizado por alguns discentes, a Instituição não envidará esforços para continuar com sua proposta de oferecer a toda comunidade um ensino jurídico de qualidade, pautado nos parâmetros de formar cidadãos e profissionais cônscios de uma eticidade voltada para o compromisso da coisa pública.

A questão que sobressai no referido exame é se, realmente, o Enade é condição de possibilidade para aferição da qualidade de um Curso Superior. Como diz Foucault, “existem momentos na vida onde a questão de saber se pode pensar diferentemente do que se pensa, e perceber diferentemente do que se vê, é indispensável para continuar a olhar ou refletir” (in: FOUCAULT, M. L’usage des Plaisirs, p. 14-15).

O Curso de Direito da Faculdade de São Lourenço continuará a se dedicar para a formação de bons profissionais e cidadãos e empregará toda a infraestrutura necessária, assim como o fez desde o primeiro dia de sua existência.

Assim, o Curso de Direito da Faculdade de São Lourenço através de Coordenação e da Direção da Instituição entrará em contato com os discentes participantes do Enade de 2012 para que se manifestem a fim de restabelecer a história do Curso de Direito para a comunidade sul-mineira.

 

Prof. Me. Diogo Bacha e Silva

Coordenador do Curso de Direito

 

Maria Aparecida Pinto

Diretora da Faculdade de São Lourenço

 

Guilherme Bernardes Filho

Presidente da Unisepe

Últimas Notícias
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Dr. Olavo Gomes Pinto, 61/207 - Centro - São Lourenço - MG