03:03hs
Domigo, 22 de Setembro de 2019
São Vicente de Minas - Notícias
26/01/2017 10h56

Colégio Marista rompe convênio com Secretaria de Educação do Estado

A partir de agora, o programa pedagógico da unidade será de total autonomia do Estado

O tradicional Colégio Marista rompeu o contrato com o Estado e deixará de coordenar a educação na unidade. A partir de agora, a diretoria de ensino do estado assumirá os trabalhos e ficará responsável pelo programa pedagógico. O rompimento de vínculo entre as partes ocorreu na última terça-feira (24/01).

Um dos motivos do cancelamento de contrato foi a crise econômica que o país enfrenta. Outra justificativa dada é uma mudança feita em uma lei federal, que abrange as instituições filantrópicas. Segundo a diretora do Colégio, Rosângela de Lima, a lista de alunos matriculados no Colégio Marista não os considera mais como estudantes da organização, mas sim do próprio Estado.

O governo estadual está negociando o pagamento de aluguel do prédio, que continuará em funcionamento, com os mesmos professores e com a mesma equipe pedagógica de antes. A única diferença é que será totalmente regido pela Secretaria Estadual de Educação. “É importante ressaltar aos nossos alunos e toda a comunidade que o corpo de pessoas da escola continuará o mesmo. Embora os alunos percam alguns acompanhamentos, a nossa essência de Colégio Marista permanecerá”, reforça a diretora.

Uma média de 400 jovens será prejudicada com a mudança. Eles perderam, entre outras coisas, a escolinhas de esportes e trabalhos pastorais. Além disso, cerca de 20 profissionais foram demitidos. Os órgãos municipal e estadual trabalharão para que o impacto da mudança não seja muito negativo para o ensino na unidade, conforme informou Rosângela de Lima.

A mãe de dois ex-alunos, Renata Arantes, está indignada com a situação e teme que a unidade perca totalmente a qualidade do ensino. “O fim da filantropia, a crise, o número cada vez menor de Irmãos Marista, nos fazem entender que a Escola Estadual José Bonifácio não seja mais Marista. Meus dois filhos mais velhos estudaram a vida inteira lá. Formaram e passaram em faculdades federais. Meu caçula não terá a mesma sorte. Terá que estudar em uma escola pública como tantas outras do nosso estado, neste triste país”, lamenta ela.

O Colégio Marista é conhecido pela excelência da educação, em São Vicente. A associação estava à frente do ensino pedagógico da unidade desde 1998, quando os irmãos Maristas voltaram ao município. Nesse meio tempo, projetos foram colocados em prática e trabalhos eram feitos com os alunos da comunidade.

O colégio tinha uma proposta de oferecer um ensino humanizado, onde os alunos eram cuidados de forma individual. O carisma Marista mantinha trabalhos de espiritualidade e formação cristã e cidadã.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG