03:02hs
Domigo, 22 de Setembro de 2019
São Vicente de Minas - Notícias
31/08/2018 16h31

Semana Nacional da pessoa com deficiência intelectual e múltipla em São Vicente

Várias atividades foram feitas para os alunos e colaboradores da APAE e seus familiares

A semana começou com uma caminhada pela cidade

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla acontece todos os anos, durante o período de 21 a 28 de agosto. O objetivo da Semana é abrir debates e colocar a sociedade em reflexão no dever da igualdade para inclusão.

Em São Vicente de Minas, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla 2018 foi promovida pela APAE da cidade “Escola Especial Flor Amarela”.

O evento teve início na manhã da terça-feira (21) com uma caminhada que saiu da Escola e terminou em frente a Prefeitura Municipal, onde aconteceu um  momento de oração, que trouxe palavras de apoio e aceitação para as pessoas com deficiência e seus familiares.

Houve discursos e o prefeito da cidade, Lili, ressaltou o compromisso da Administração Municipal com a APAE de São Vicente de Minas, garantindo um repasse anual de R$ 15.000,00, além da cessão de 08 funcionários, entre eles, motorista, professores, estagiária, oficinistas e servente, e ainda, fornecendo o transporte e apoio na alimentação para os alunos.

Houve também uma surpresa para a escola: um micro-ônibus escolar, ano 2018, com 29 lugares, adaptado ao transporte de portadores de necessidades especiais que, neste momento, atenderá de forma mais específica ao transporte dos alunos da APAE,  beneficiando todos os envolvidos da escola.

Durante a semana acontecerão rodas de conversas, palestras, sessão solene na Câmara Municipal, gincana, missão de Ação de Graças, bingo beneficente e no dia 28/08 vários profissionais da cidade foram até São João Del Rei para participar de um encontro de Capacitação na atuação de práticas no Transtorno do Espectro do Autismo.

A Escola Especial Flor Amarela, foi fundada no dia 01 de abril de 1991 e realiza mais de 3.000 atendimentos por mês. Atende a mais de 100 alunos entre crianças com dificuldades e distúrbios de aprendizagem - ou com distúrbios de comportamento, portadores de deficiências físicas e/ou mentais, independentemente da idade cronológica, além de adultos analfabetos. Em todos esses anos já capacitou cerca de 50 professores da cidade e de municípios vizinhos e mais de 80 alunos considerados “problemas” foram reinseridos no sistema regular de ensino.

Micro-ônibus escolar adaptado para os alulnos

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG