19:17hs
Sexta Feira, 15 de Novembro de 2019

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1390
Correio do Papagaio - Edição 1393
Sindijori
21/10/2019 09h23

COLUNA MG - Rede de Notícias do Sindijori MG-21/10/2019

Cooperativa indeniza produtor rural

Cooperativa indeniza produtor rural

A Cooperativa dos Produtores Rurais do Prata Ltda. (Cooprata) foi condenada a pagar cerca de R$ 37 mil por danos materiais a um fazendeiro e R$ 3 mil por danos morais. A decisão é da 10ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). O fazendeiro afirma que adquiriu da Cooprata sementes de capim que não germinaram no solo preparado. O produtor rural sustenta que isso impossibilitou a formação da área de pastagem em sua propriedade, localizada no Município de Prata, no Triângulo Mineiro. Segundo ele, um engenheiro agrônomo vistoriou a plantação e o estabelecimento onde as sementes ficavam armazenadas e comprovou armazenagem irregular. (Diário Tribuna - Teófilo Otoni)

Araxá selecionada para Programa Recode

A Prefeitura de Araxá, através da Secretaria Municipal de Educação, recebeu uma grande notícia nesta semana. A Biblioteca Pública Viriato Corrêa foi selecionada para participar do Programa Recode Bibliotecas Transformadoras, que estimula a transformação social e digital de comunidades por meio do protagonismo das bibliotecas e dos jovens. O programa está alinhado ao Plano Nacional do Livro e Leitura e tem a parceria do Movimento Bem Maior, com apoio do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas e dos Sistemas Estaduais de Bibliotecas Públicas. Além de promover o empoderamento digital com ofertas de cursos on-line e gratuitos em tecnologia por meio da Plataforma Recode, o programa fortalece habilidades dos profissionais de biblioteca (Diário de Araxá)

Farinha pode virar patrimônio mineiro

A farinha de mandioca ou de milho, um dos ingredientes tradicionais da culinária mineira, pode virar patrimônio histórico do Estado, a partir da iniciativa de criar um inventário para catalogar os tipos, qualidade e onde são produzidos. A iniciativa édo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG) e visa valorizar a culinária mineira.  No Norte de Minas, uma das farinhas mais cobiçadas pelos consumidores é produzida na região de Morro Alto, no município de Bocaiúva. Em 2009, o produto recebeu selo de qualidade do Sebrae, pois havia estabelecimentos comercializando farinha de outra procedência, com embalagem de Morro Alto. (Jornal O Norte- Montes Claros)

Lançado Plano de recuperação do rio Suaçuí

A recuperação da bacia hidrográfica do rio Suaçuí Pequeno, associada ao aumento da produtividade e rentabilidade dos produtores rurais, vai ser um dos temas abordados na palestra de apresentação do "Plano de Ação do Sebrae na Bacia Hidrográfica do Rio Suaçuí Pequeno", baseado na metodologia Zoneamento Ambiental e Produtivo. O evento é gratuito e foi realizado na segunda-feira, 21, a partir das 17h, no Centro Administrativo da Prefeitura de Peçanha. A iniciativa é fruto de uma parceria entre o Sebrae Minas e a Cenibra, com o apoio da Prefeitura Municipal de Peçanha, e vai propor uma articulação para a realização de ações que promovam a qualificação técnica dos produtores rurais e da comunidade. (Diário do Rio Doce- Governador Valadares)

Artesão arcoense pode requerer carteirinha

O Governo de Arcos, através da Secretaria de Integração Social, informa que as inscrições para o cadastramento dos artesãos arcoenses estão abertas de 21/10 a 21/11, e podem ser feitas na Secretaria de Integração Social. O programa do Artesanato Brasileiro, instituído pela portaria Nº1.007 -SEI, de 11 de junho de 2018, tem o objetivo de promover o desenvolvimento integrado do Setor artesanal e a valorização do artesão, elevando o seu nível cultural, profissional, social e econômico. É importante ressaltar que o cadastramento significa modernizar o atendimento ao profissional do artesanato que, uma vez, detentor da Carteira Nacional do Artesão, vai poder usufruir de uma série de benefícios. (Jornal Centro Oeste- Arcos)

Cataguases concorre a título de Criativa

A cidade de Cataguases está concorrendo com três capitais brasileiras para ingressar na Rede de Cidades Criativas da Unesco no segmento cinema. A candidatura é um reconhecimento da nova vocação audiovisual da região, retomada nos últimos anos pelo Polo Audiovisual da Zona da Mata, fundado há dez anos e patrocinado pelo Grupo Energisa. O Polo Audiovisual da Zona da Mata é o maior do interior do Brasil, somando 44 produções de 2008 a 2020 e com R$ 34,5 milhões em investimentos. O impacto econômico para a região soma R$ 71,5 milhões, incluindo a contratação de mais de 2,3 mil pessoas. (Jornal Leopoldinense- Leopoldina)

Uberaba tem 346 famílias que podem perder o BF

Segundo o Ministério da Cidadania, 5.100 pessoas que receberam indevidamente recursos do Bolsa Família vão ter que devolver o dinheiro aos cofres públicos. A expectativa da pasta, responsável pelo programa federal, éque sejam recuperados R$ 5,8 milhões. As pessoas suspeitas de fraudar o programa foram identificadas a partir de uma auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU) e de um cruzamento de dados com o Tribunal de Contas da União (TCU). Segundo o Ministério, em julho Uberaba apresentou 346 famílias em fase de suspensão. (Jornal de Uberaba)

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG