18:32hs
Segunda Feira, 03 de Agosto de 2020

Leia nossas últimas edições

Correio do Papagaio - Edição 1455
Correio do Papagaio - Edição 1461
Sindijori
09/04/2020 11h43

COLUNA MG Rede de Notícias do Sindijori MG - 09.04.2020

Monlevade decreta calamidade

Monlevade decreta calamidade

A Prefeitura de João Monlevade decretou estado de calamidade pública em saúde. De acordo com a Prefeitura, a medida se justifica pela "necessidade de ações emergenciais ao enfrentamento da pandemia do Covid-19". O texto, assinado pela prefeita Simone Carvalho, permite a contratação de empresas e a compra de insumos sem necessidade de licitação. A declaração de calamidade pública é válida até 31 de dezembro. Os decretos que proíbem o funcionamento de vários setores do comércio e suspenderam as atividades quase todas as repartições públicas municipais continuam em vigor, segundo o estado de calamidade pública. (A Notícia Regional- João Monlevade)

TRT determina penhora de respiradores

O juiz Jonatas Rodrigues de Freitas, titular da Vara do Trabalho de Caratinga, determinou a realização de diligência, por oficial de justiça, nesta quinta-feira, 9, no Instituto Mineiro de Saúde (IMS), para o repasse de respiradores às cidades de Caratinga e Bom Jesus do Galho. Acordo homologado pelo juízo daquela cidade, envolvendo a entidade e os municípios, prevê a identificação do número exato de equipamentos e a penhora dos respiradores que ainda não foram objeto de constrição judicial. Já foi confirmada a existência no local de nove respiradores, além dos 12 informados pela Polícia Militar de Minas Gerais. (Jornal Voz Ativa- Ouro Preto)

Estudantes antecipam formatura

O Ministério da Educação (MEC) publicou portaria autorizando a formatura antecipada de estudantes de Medicina, Enfermagem, Farmácia e Fisioterapia do sistema federal de ensino. O documento regulamenta a Medida Provisória 934. Entretanto, os discentes ainda dependem que suas respectivas instituições aceitem a solicitação. Em Juiz de Fora, pelo menos 140 estudantes do 12º período de medicina buscam meios de antecipar a formatura para auxiliar no combate ao coronavírus. Os dados são da Federação Internacional de Associações de Estudantes de Medicina e contabiliza alunos da Universidade Federal de Juiz de Fora e da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)

Cesta básica aumenta 2,06%

Na quarta pesquisa deste ano de 2020 o Índice da Cesta Básica de Varginha (ICB-UNIS) apresentou elevação de 2,06% em comparação com o mês de março. É a primeira elevação do índice neste ano. A pesquisa é realizada através da coleta de preços de 13 produtos que compõem a cesta básica nacional de alimentos nos principais supermercados da cidade. O responsável pela pesquisa e membro do Departamento de Pesquisa do Grupo Unis, Prof. Dr. Pedro dos Santos Portugal Júnior, salienta que a coleta neste mês foi realizada com os devidos cuidados de prevenção solicitados pelas autoridades de saúde. Em 12 meses, de abril de 2019 a abril de 2020, a cesta básica em Varginha apresenta uma deflação de -0,31%. (Correio do Sul- Varginha)

Estrutura do Hospital é finalizada.

O Hospital de Campanha está recebendo os últimos detalhamentos e vai estar apto para receber pacientes na próxima segunda-feira, 13. A Prefeitura de Divinópolis divulgou detalhes do centro de atendimento: com o total de 40 leitos, destes, 20 destinados para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 20 para pacientes em observação. O mesmo está localizado no estacionamento da UPA Padre Roberto, para o atendimento de infectados do coronavírus. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), a estrutura conta com 10 contêineres para tratamento dos pacientes. Um contêiner para estoque de equipamentos, um gerador elétrico, equipamentos para o esgotamento sanitário, bombas de infusão e materiais de limpeza. Toda a estrutura está dentro das normas do Ministério da Saúde. (Gazeta do Oeste- Divinópolis)

Ubá enfrenta a maior enchente

Pela terceira vez em 2020, Ubá sofreu, na noite desta terça-feira, 7, com o extravasamento do Ribeirão Ubá de sua calha. A cheia provocou inundação em vários pontos da cidade. Segundo a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, choveu na área urbana cerca de 128mm em duas horas. A contribuição da chuva nas cabeceiras do Ribeirão Ubá também foi predominante para a rápida elevação do nível do rio. Após a criação do Sistema de Comando de Operações, ainda durante a chuva, equipes envolvidas nas ações de resposta reuniram-se novamente na manhã desta quarta-feira, 8, para levantamento dos estragos, balanço das primeiras ações, planejamento e atividades (Jornal Cidade MG- Lagoa da Prata)

Vereadores cobram providências

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que já tem dois casos confirmados em Governador Valadares e quatro óbitos em investigação, vereadores do município têm cobrado medidas, enviando ao prefeito André Merlo (PSDB) ofícios que pedem desde flexibilização da restrição ao funcionamento de empresas até benefícios para usuários de serviços públicos. O líder do governo na Câmara, o vereador Paulinho Costa (PDT) enviou ofício em 16 de março, pedindo a abertura de estabelecimentos comerciais e industriais, com flexibilização gradual de medidas restritivas. O presidente do Legislativo, vereador Júlio Avelar (PV), tem opinião semelhante. (Diario do Rio Doce - Governador Valadares)

PUBLICIDADES
Mercado dos Móveis
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone para contato.: (35) 3332-1008
Textos e contatos em geral: jornalcp@correiodopapagaio.com.br
SAC: online@correiodopapagaio.com.br
R. Ledo, 250 - Centro - São Lourenço - MG